Reajustes de gás e combustíveis marcam semana

Preço dos produtos derivados da produção de petróleo e gás no país foram elevados pela Petrobras

Com os reajustes anunciados pela Petrobras nos preços do gás de cozinha, na gasolina e no diesel, os consumidores de Macaé e de todo o país se preparam para sentir os efeitos do processo de recuperação da companhia no próprio bolso.
A reavaliação do valor dos produtos derivados da produção do petróleo nacional, que segue uma nova política adotada pela empresa, expõe a oscilação econômica que o país ainda enfrenta, ao tentar se libertar dos efeitos da crise e da lama da corrupção.
Na terça-feira (5), a Petrobras anunciou o reajuste de 12,2% para o gás liquefeito de petróleo (GLP) para uso residencial, o chamado gás de cozinha, vendido em botijões de até 13 quilos. O aumento foi decidido pelo Grupo Executivo de Mercado e Preços (Gemp) da empresa e começau a vigorar ontem (6).
Em Macaé, o preço do botijão varia de R$ 48 a R$ 60, de acordo com levantamento feito pela Agência Nacional do Petróleo (ANP).
A Petrobras destacou que o reajuste previsto foi aplicado sobre os preços praticados sem incidência de tributos. Se for integralmente repassado aos preços ao consumidor, a empresa indicou que “o preço do botijão de GLP P-13 pode ser reajustado, em média, em 4,2% ou cerca de R$ 2,44 por botijão.
Já no início da semana, a Petrobras anunciou novo aumento da gasolina de 3,3% e do diesel de 0,1%. Nos últimos reajustes consecutivos, a gasolina acumulou acréscimo de preço de 11,2% desde o dia 31 de agosto e o diesel ficou 8,94% mais caro desde o dia 29.
Em Macaé, o preço do litro da gasolina varia de R$ 4,33 a R$ 4,39 o litro, nos postos fiscalizados pela ANP. Já o Diesel custa de R$ 3,19 a R$ 3,59, nas bombas da cidade.
Segundo a estatal, durante o mês de agosto os ajustes acumulados foram de +3,4% na gasolina e de +2,2% no diesel, até o dia 29 último. Em julho, na avaliação feita até o dia 27, os ajustes acumulados foram de 4,7% no diesel e de – 0,6 % na gasolina.

Fonte : O Debate

Deixe seu comentário

comentários

Você também pode gostar...